top of page

Breaking News

O Polo de Cinema do Paraná, através de estratégia desenvolvida pelo seu presidente, José Padilha e do seu Assessor Jurídico, Dr. Flori Antonio Tasca, foi admitido pela Ministra relatora, Carmen Lúcia, para figurar como “Amicus Curie” (Amigo da Corte) na ADI 7232 que objetiva declarar a inconstitucionalidade da MP 1.135/22 que suspendeu a execução das Leis Paulo Gustavo e Aldir Blanc 2.


"Hoje, 23/09/2022 é um dia histórico para a Cultura Brasileira! A partir de hoje, o Polo de Cinema do Paraná, é a única entidade da sociedade civil organizada do Brasil habilitada para defender a cultura brasileira dos ataques perpetrados pela MP 1.135/22.”, explicou o cineasta José Padilha que preside o Polo de Cinema do Paraná.


“ A Procuradoria Geral da República terá 3 dia para se manifestar a partir da próxima segunda-feira, e depois o processo volta conclusos para decisão da Ministra Carmen Lúcia, do Supremo Tribunal Federal (STF) “, explicou o presidente do Polo de Cinema do Paraná, José Padilha.




Comments


bottom of page