top of page

Putin 'ordena tropas para a Ucrânia' poucas horas após estados rebeldes russos serem reconhecidos


Imagem reprodução da internet



Por: Juliana Steuernagel/UK


O presidente da Russia Vladmir Putin teria ordenado a entrada de tropas na Ucrânia poucas horas depois de reconhecer os estados rebeldes russos após uma reunião.


O líder russo assinou esta noite um decreto reconhecendo a independência das regiões separatistas no leste da Ucrânia – abrindo caminho para fornecer apoio militar.


A medida também desencadeou ameaças de novas sanções dos EUA e da Europa e alimentou ainda mais os temores de que a Rússia possa invadir a Ucrânia em breve.


O ex-oficial da KGB afirmou que a Rússia foi “roubada” quando a União Soviética se desintegrou em 1991 e o colapso do bloco foi uma “catástrofe geopolítica”.


As ações russas caíram instantaneamente 11% na noite passada quando ele fez seu anúncio e o valor do rublo caiu.


Depois de um discurso desconexo sobre a história da Ucrânia e suas raízes, Putin disse que a Ucrânia moderna foi “criada” pela Rússia – então emitiu uma ameaça direta, segundo especialistas.


bottom of page