top of page

Pior enchente dos últimos 100 anos provoca caus e mortes no Sul da Alemanha

Oficialmente foram divulgadas 4 mortes, entre elas de um Bombeiro que participava de uma Operação de Resgate


Imagens reprodução Instagram


Por Rô Wolfl/Alemanha


As fortes chuvas e inundações que atingiram partes do sul da Alemanha continuam a causando transtornos generalizados, com relatos de uma tragédia durante as operações de resgate.


Um bombeiro perdeu a vida em Pfaffenhofen an der Ilm, há 40 km de Munique, quando o bote de borracha em que ele estava com outros três socorristas virou. Seu corpo já foi encontrado.


Outro bombeiro, de 22 anos, permanece desaparecido. Ele participava de uma operação de evacuação na cidade de Offingen, quando o barco de borracha em que ele estava também virou.


As equipes de emergência têm trabalhado incansavelmente desde o início das fortes chuvas, que não deram trégua desde sexta-feira.


Algumas áreas do sul da Alemanha registraram mais chuva em 24 horas do que normalmente cairia em um mês inteiro, de acordo com o Serviço Meteorológico Alemão.


Isso incluiu cidades como Kisslegg, onde caíram 130 milímetros de chuva, e Bad Wörishofen, com 129 mm. O volume excepcional de chuva resultou em inundações generalizadas e o rompimento de represas ao longo do rio Paar, um afluente do Danúbio.


O governador da Baviera, Markus Söder, agradeceu aos cerca de 40 mil membros das equipes de emergência mobilizadas em todo o estado, enfatizando a importância da organização do socorro aos atingidos pelas enchentes.


As equipes de emergência estão em ação constante em partes da Baviera e de Baden-Württemberg, onde rios e riachos estão transbordando. Mais de 1.800 funcionários, incluindo bombeiros e equipes de resgate, estão mobilizados para lidar com a situação.


Dez municípios na Baviera declararam estado de desastre devido ao aumento perigoso dos níveis de água no Danúbio e em seus afluentes.


Entre as cidades atingidas pelas enchentes estão Augsburg, Nuremberg, Stuttgart, Bamberg e Regensburg.



Comentários


bottom of page