top of page

COVID 19 pode matar 1.7 milhão de pessoas até abril na China, prevê pesquisa científica britânica

Breaking News Exclusivo: Covid 19 na China : Empresa britânica de pesquisas científicas prevê a morte de 1,7 milhão de pessoas infectadas no país até o final de abril de 2023.


Foto reprodução: South China Post


Governos Europeus preparam medidas para controlar o vírus exigindo PCR negativo de passageiros chineses.


Por : Juliana Steuernagel/UK


Cerca de 9 mil mortes diárias por Covid 19 na China nas últimas semanas. Os dados são da empresa de estatísticas de saúde Airfinity, com sede no Reino Unido,quase dobrando sua estimativa de uma semana atrás, à medida que as infecções se espalhavam pelo país mais populoso do mundo.


As infecções por COVID começaram a se espalhar pela China em novembro, acelerando este mês depois que Pequim desmantelou suas políticas de COVID-zero, incluindo testes regulares de PCR em sua população e publicação de dados sobre casos assintomáticos.


As mortes cumulativas na China desde 1º de dezembro provavelmente chegaram a 100.000, com infecções totalizando 18,6 milhões, disse a Airfinity em comunicado.


A empresa de pesquisa científica diz que usa modelagem com base em dados das províncias chinesas antes que as recentes mudanças nos casos de notificação fossem implementadas.


Os governos do Reino Unido, França e Espanha preocupados com a nova onda da Covid 19 chinesa, resolveram impor medidas de controle do virus a todos os passageiros que viajam da China para Europa e vice - versa. Eles tem que apresentar o teste PCR negativo nos aeroportos.


Previsão do COVID-19 da Airfinity para infecções e mortes na China

Infecções diárias: 1,8 milhão

Mortes diárias: 11.000

Casos acumulados desde 1º de dezembro: 20,4 milhões

Mortes acumuladas desde 1º de dezembro: 110.000

Dados atualizados pela última vez em 30 de dezembro de 2022


A Airfinity prevê que as infecções por COVID-19 atinjam seu primeiro pico na China em 13 de janeiro, com 3,7 milhões de casos por dia.


Estima-se que as mortes atinjam o pico 10 dias depois, em aproximadamente 25.000 por dia, nesse estágio um total de 584.000 desde que o vírus começou a surgir em todo o país em dezembro.


"Prevemos 1,7 milhão de mortes em toda a China até o final de abril de 2023", disseram os líderes da Airfinity.


O modelo da Airfinity é baseado em dados das províncias regionais da China, antes da implementação de mudanças nos relatórios de infecções, combinado com taxas de crescimento de casos de outros países com COVID-zero quando suspenderam restrições como Hong Kong e Japão.


Usando as tendências dos dados regionais, nossa equipe de epidemiologistas previu que o primeiro pico ocorrerá em regiões onde os casos estão aumentando e um segundo pico impulsionado por surtos posteriores em outras províncias chinesas.


A Airfinity prevê que os casos em Pequim provavelmente já atingiram o pico, com hospitalizações e mortes provavelmente atingindo o pico nas próximas 1-2 semanas.


Nosso modelo estima que um segundo pico ocorrerá em 3 de março de 2023, onde os casos diários provavelmente chegarão a 4,2 milhões por dia. Espera-se que as áreas rurais sejam mais impactadas nesta onda posterior.

Comments


bottom of page